Sinusite

A sinusite é uma inflamação dos seios perinasais (maxilares, etmoidais, esfenoidais e frontais), devido a uma alergia ou infecção bacteriana, viral ou fúngica. Os seios perinasais são cavidades com ar, localizadas na parte interna e circundante dos ossos do nariz e face. As cavidades têm ligação com a parte interna do nariz.

Nos seios perinasais há acumulação de muco claro e líquido que é drenado pelo nariz. Na sinusite este muco fica espesso, inflamado dificultando ou impedindo a drenagem, desencadeando uma sensação de pressão na testa ou restante zona circundante do nariz.

A sinusite pode ser aguda se durar até aproximadamente 3 semanas e crónica se ultrapassar este período.

Como prevenir

A prevenção pode ser feita com medicação para a alergia. Também deve haver uma correcta drenagem do nariz, se necessário colocar soro para evitar o nariz tapado.

Causas

A sinusite pode ter várias causas:
– Diminuição no sistema imunitário (defesa) do organismo
– Aumento das secreções
– Alergia – aumenta a produção de muco que, se não for bem drenado, acumula e infecciona.
– Gripe
– Infecção nos seios perinasais
– Diferenças de pressão
– Grandes alterações climáticas
– Desvio do septo nasal (cana do nariz) – dificulta a drenagem de muco, que se acumula e favorece a infecção.
– Infecções respiratórias

Sintomas

Na sinusite alérgica, a dor está situada nos seios da face, o nariz fica obstruído com secreção fluida e transparente em grande quantidade. Os sintomas são semelhantes ao de uma gripe, como espirros e calafrios, e pode surgir febre.
Na sinusite infecciosa, a dor também é nos seios da face, há febre e a obstrução nasal é purulenta. A pessoa sente um cheiro desagradável pelo nariz e boca.
Na diferença de pressão, desencadeada por exemplo numa viagem de avião, a dor é no maxilar e não há grande obstrução do nariz.  
Na sinusite dos seios etmoidais e frontais, pode haver dor de cabaça (cefaleia) intensa, podendo impedir as pessoas de conseguir trabalhar.
Na sinusite dos seios maxilares a dor é nos dentes e/ou maxilares devido à inflamação localizada nos seios.

Diagnóstico

O médico pode fazer o diagnóstico após saber os sintomas da pessoa. Pode confirmar com um RX dos seios perinasais ou TAC. Nestes exames vê-se uma mancha no local ocupado pelo muco purulento.

Tratamento

Alguns casos de sinusite resolvem sem medicação, passado alguns dias.

Em outros doentes há necessidade de tratar a alergia ou infecção e promover uma boa drenagem pelo nariz.

A medicação prescrita vai fazer com que a secreção seja drenada e tenta evitar novas crises. Além dos comprimidos e/ou inaladores, devem ser feita várias lavagens ao nariz, para ajudar a drenar o muco e facilitar a respiração.

O médico pode considerar necessário o uso de antibiótico para combater a infecção.

A sinusite é uma doença que causa transtorno ao doente pelo que se deve tentar ao máximo prevenir novas crises, através da manutenção da permeabilidade do nariz, controlar os problemas alérgicos, corrigir desvios do septo nasal, etc.

2010 / 2016 - Laboratório central | Todos os direitos reservados - SAC 37 3222-7700