Preparando-se para o parto

A consulta pré-natal com o pediatra é muito importante tanto para a gestante de alto risco quanto para a gestante de baixo risco. É o momento de discutir os problemas, as doenças ocorridas, os medicamentos usados na gestação e as expectativas dos pais. Essa consulta deve ser realizada no terceiro trimestre da gravidez.

Ela permite um conhecimento prévio entre a mãe e o pediatra, que poderá esclarecer e orientar quanto à assistência em sala de parto e o pós-parto imediato.

Ali serão esclarecidos também os procedimentos nas primeiras consultas do bebê e como será o acompanhamento da criança no primeiro ano de vida; as primeiras vacinas, os primeiros testes laboratoriais, o teste auditivo e o oftalmológico.

O pediatra também pode orientar a futura mamãe sobre o aleitamento materno, o cuidado e preparo das mamas durante a gestação, no pós-parto imediato e durante toda a lactação. É muito interessante que os pais saibam da importância do leite materno para o bebê e o que ele pode prevenir. O leite materno é considerado definitivamente precursor de uma vida saudável. Nesta consulta pré-natal com o pediatra, a mãe receberá também orientações quanto à higienização do bebê, de suas roupinhas e do ambiente.

O parto deverá ocorrer em ambiente hospitalar, com a presença obrigatória de um pediatra habilitado em reanimação neonatal, que dará assistência ao recém-nascido. Logo após o nascimento, o bebê que estiver bem deverá ficar com a mãe, iniciando a amamentação ainda na sala de parto e permanecendo em alojamento conjunto até a alta do hospital. Os bebês que necessitarem de assistência logo após o nascimento, depois de estabilizados, deverão ser encaminhados ao berçário de alto risco ou à UTI neonatal. Partos prematuros ou de risco deverão ocorrer em hospitais com UTI neonatal e UTI para adultos.

O melhor transporte para o recém-nascido é o útero materno

Departamento de Neonatologia

2010 / 2016 - Laboratório central | Todos os direitos reservados - SAC 37 3222-7700