Diretrizes médicas
O Projeto Diretrizes, iniciativa conjunta da Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina, tem por objetivo conciliar informações da área médica a fim de padronizar condutas que auxiliem o raciocínio e a tomada de decisão do médico. 
As informações contidas neste projeto devem ser submetidas à avaliação e à crítica do médico, responsável pela conduta a ser seguida, frente à realidade e ao estado clínico de cada paciente. 

 

Sociedades de Especialidades participantes das 280 diretrizes

Colégio Médico de Acupuntura
ACUPUNTURA NA PREVENÇÃO E TRATAMENTO DE NÁUSEA E VÔMITOS
ACUPUNTURA NO TRATAMENTO DA DOR MIOFASCIAL
DIABETES MELLITUS: NEUROPATIA

 Soc. Bras. de Angiologia e Cirurgia Vascular
INSUFICIÊNCIA VENOSA CRÔNICA
TRANSTORNOS DA EXTREMIDADE INFERIOR DO PACIENTE DIABÉTICO
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

 Soc. Bras. de Alergia e Imunopatologia
ALERGIAS – IMUNOTERAPIA ESPECÍFICA
RINITE ALÉRGICA

ASMA BRÔNQUICA
URTICÁRIA
VACINA CONTRA TUBERCULOSE

Soc. Bras. de Anestesiologia
HIPERTEMIA MALIGNA
INTUBAÇÃO TRAQUEAL DIFÍCIL

Soc. Bras. de Cancerologia
CÂNCER COLORRETAL
CÂNCER DE MAMA – DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
CARCINOMA DO COLO DO ÚTERO
CARCINOMA DE ENDOMÉTRIO
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Soc. Bras. de Cardiologia
DISLIPIDEMIA, PREVENÇÃO DA ATEROSCLEROSE
HIPERTENSÃO ARTERIAL – ABORDAGEM GERAL
HIPERTENSÃO ARTERIAL – SITUAÇÕES ESPECIAIS
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Soc. Bras. de Cir. de Cabeça e Pescoço
BÓCIO ATÓXICO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
CÂNCER DE BOCA
CÂNCER DA TIREÓIDE
CÂNCER DA LARINGE
TUMORES CONGÊNITOS DO PESCOÇO

Soc. Bras. de Cirurgia Digestiva
CÂNCER COLORRETAL

Assoc. Bras. de Cirurgia da Mão
DIABETES MELLITUS: NEUROPATIA
FRATURA DA DIÁFISE DO ÚMERO NO ADULTO
FRATURA DIAFISÁRIA DO TERÇO MÉDIO DA CLAVÍCULA NO ADULTO: TRATAMENTO
FRATURAS DE ESCAFÓIDE
LESÃO LIGAMENTAR DO CARPO
LUXAÇÃO RECIDIVANTE ANTERIOR TRAUMÁTICA DE OMBRO: TRATAMENTO
OSTEOMIELITE HEMATOGÊNICA AGUDA

Soc. Bras. de Cirurgia Pediátrica
OBSTRUÇÃO INTESTINAL NEONATAL: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
OBSTRUÇÃO INTESTINAL NO LACTENTE E NA CRIANÇA MAIOR: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO

Soc. Bras. de Cirurgia Plástica

QUEIMADURAS

Colégio Bras. de Cirurgiões
BÓCIO ATÓXICO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
CÂNCER COLORRETAL

OBSTRUÇÃO INTESTINAL NEONATAL: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
OBSTRUÇÃO INTESTINAL NO LACTENTE E NA CRIANÇA MAIOR: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO

Soc. Bras. de Citopatologia
CÂNCER COLORRETAL

Soc. Bras. de Clínica Médica
CÂNCER COLORRETAL
HIPOPITUITARISMO: DIAGNÓSTICO
HIPOPITUITARISMO: TRATAMENTO
OBESIDADE: ETIOLOGIA
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Soc. Bras. de Coloproctologia
CÂNCER COLORRETAL
HEMORRÓIDA: DIAGNÓSTICO
HEMORRÓIDA: MANEJO NÃO CIRÚRGICO
HEMORRÓIDA: TRATAMENTO CIRÚRGICO

Soc. Bras. de Dermatologia
CARCINOMA BASOCELULAR
MELANOMA CUTÂNEO – ABORDAGEM DA LESÃO PRIMÁRIA
ECZEMA DE CONTATO
HANSENÍASE: EPISÓDIOS REACIONAIS
HIRSUTISMO: DIAGNÓSTICO

Soc. Bras. de Endocrinologia e Metabologia
AMENORRÉIAS COM CARACTERÍSTICAS SEXUAIS PRESENTES
BAIXA ESTATURA POR DEFICIÊNCIA DO HORMÔNIO DE CRESCIMENTO: DIAGNÓSTICO

BAIXA ESTATURA POR DEFICIÊNCIA DO HORMÔNIO DE CRESCIMENTO: TRATAMENTO
CÂNCER DIFERENCIADO DA TIREÓIDE: FATORES DE RISCO E DIAGNÓSTICO
CÂNCER DIFERENCIADO DA TIREÓIDE: FATORES PROGNÓSTICOS
CÂNCER DIFERENCIADO DA TIREÓIDE: TRATAMENTO

DIABETES MELLITUS: CETOACIDOSE

DIABETES MELLITUS: CLASSIFICAÇÃO E DIAGNÓSTICO
DIABETES MELLITUS GESTACIONAL
DIABETES MELLITUS: INSULINOTERAPIA

DIABETES MELLITUS: NEFROPATIA
DIABETES MELLITUS: NEUROPATIA
DIABETES MELLITUS: PREVENÇÃO

DIABETES MELLITUS: PREVENÇÃO CARDIOVASCULAR PRIMÁRIA
DIABETES MELLITUS: PREVENÇÃO E TRATAMENTO DA RETINOPATIA

DIABETES MELLITUS: RECOMENDAÇÕES NUTRICIONAIS
DIABETES MELLITUS: TRATAMENTO DA HIPERTENSÃO ARTERIAL
DIABETES MELLITUS: TRATAMENTO MEDICAMENTOSO

DIABETES MELLITUS: USO DE ÁCIDO ACETILSALICÍLICO (AAS)
DOENÇA DE PAGET
FALÊNCIA OVARIANA PRECOCE
HERMAFRODITISMO VERDADEIRO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
HIPERPARATIREOIDISMO PRIMÁRIO
HIPERTIREOIDISMO
HIPOGONADISMO MASCULINO TARDIO (ANDROPAUSA): DIAGNÓSTICO

HIPOGONADISMO MASCULINO TARDIO (ANDROPAUSA): TRATAMENTO

HIPOPITUITARISMO: DIAGNÓSTICO
HIPOPITUITARISMO: TRATAMENTO
HIPOTIREOIDISMO
HIPOTIREOIDISMO CONGÊNITO

HIRSUTISMO: DIAGNÓSTICO
OBESIDADE: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

OBESIDADE: ETIOLOGIA
OBESIDADE: TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL
OBESIDADE: TRATAMENTO

OBESIDADE: TRATAMENTO DIETÉTICO
 PERDA DE PESO: TRATAMENTOS HETERODOXOS E SUPLEMENTOS NUTRICIONAIS
SÍNDROME DE TURNER: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
SÍNDROME METABÓLICA: TRATAMENTO COM FIBRATOS
SÍNDROME METABÓLICA: TRATAMENTO NÃO FARMACOLÓGICO PARA REDUÇÃO DO RISCO CARDIOVASCULAR
SOBREPESO E OBESIDADE: AVALIAÇÃO

RAQUITISMO HIPOFOSFATÊMICO LIGADO AO X
TIREÓIDE, DOENÇAS DA: UTILIZAÇÃO DOS TESTES DIAGNÓSTICOS
TUMORES ADRONOCORTICAIS

Fed. Bras. de Gastroenterologia
HEMORRAGIAS DIGESTIVAS
REFLUXO GASTROESOFÁGICO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
ÚLCERA PÉPTICA

Soc. Bras. de Genética Clínica
AVALIAÇÃO GENÉTICO-CLÍNICA DO RECÉM-NASCIDO
CÂNCER FAMILIAL

GENÉTICA MÉDICA: TESTE LABORATORIAL PARA DIAGNÓSTICO DE DOENÇAS SINTOMÁTICAS
SÍNDROME DE TURNER: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
TESTES PREDITIVOS

Soc. Bras. de Geriatria e Gerontologia
QUEDAS EM IDOSOS
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Fed. Bras. das Soc. de Ginecologia e Obstetrícia
ASSISTÊNCIA AO TRABALHO DE PARTO
ASSISTÊNCIA PRÉ-NATAL
CÂNCER DE MAMA – DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO

CÂNCER DE MAMA – PREVENÇÃO PRIMÁRIA
CÂNCER DE MAMA – PREVENÇÃO SECUNDÁRIA
CARCINOMA DE COLO DE ÚTERO
CARCINOMA DE ENDOMÉTRIO
CESARIANA – INDICAÇÕES
CLIMATÉRIO
DESCOLAMENTO PREMATURO DA PLACENTA
DISMENORRÉIA
DOR MAMÁRIA
HÉRNIA DE DISCO LOMBAR NO ADULTO JOVEM
HIPERTENSÃO NA GRAVIDEZ
MIOMATOSE UTERINA
OSTEOPOROSE PÓS MENOPAUSA
PAPILOMAVÍRUS HUMANO (HPV): DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
ROTURA PREMATURA DE MEMBRANAS
SÍNDROME DOS OVÁRIOS POLICÍSTICOS
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Soc. Bras. de Hansenologia
HANSENÍASE: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DA NEUROPATIA
HANSENÍASE: EPISÓDIOS REACIONAIS

Soc. Bras. de Hematologia e Hemoterapia
ANEMIA APLÁSTICA
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Soc. Bras. de Infectologia
CISTITES EM SITUAÇÕES ESPECIAIS: TRATAMENTO
INFECÇÃO DO TRATO URINÁRIO ALTO DE ORIGEM COMUNITÁRIA E HOSPITALAR: TRATAMENTO
INFECÇÃO HOSPITALAR
INFECÇÕES DO TRATO URINÁRIO NÃO COMPLICADAS: TRATAMENTO
INFECÇÕES DO TRATO URINÁRIO: DIAGNÓSTICO

Assoc.de Med. Intensiva Brasileira
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Soc. Bras. de Medicina do Esporte
ATIVIDADE FÍSICA E SAÚDE

Soc. Bras. de Medicina de Família e Comunidade
DIABETES MELLITUS: PREVENÇÃO CARDIOVASCULAR PRIMÁRIA
HIPERPLASIA PROSTÁTICA BENIGNA

Soc. Bras. de Medicina Física e Reabilitação
ELETRONEUROMIOGRAFIA E POTENCIAIS EVOCADOS

ESPASTICIDADE
ESPASTICIDADE: AVALIAÇÃO CLÍNICA
ESPASTICIDADE: PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS ORTOPÉDICOS
ESPASTICIDADE: PROCEDIMENTOS NEUROCIRÚRGICOS
ESPASTICIDADE: TRATAMENTO MEDICAMENTOSO
ESPASTICIDADE: TRATAMENTO POR MEIO DE MEDICINA FÍSICA
LOMBALGIAS E LOMBOCIATALGIAS

Assoc. Bras. de Medicina de Tráfego
ALCOOLEMIA E DIREÇÃO VEICULAR SEGURA
AVALIAÇÃO DE CONDUTORES E CANDIDATOS A CONDUTORES DE VEÍCULOS AUTOMOTORES
PORTADORES DE EPILEPSIA

DIABETES MELLITUS E RISCO NA DIREÇÃO VEICULAR
SEGURANÇA NO TRANSPORTE VEICULAR DE CRIANÇAS – PARTE I
SEGURANÇA NO TRANSPORTE VEICULAR DE CRIANÇAS – PARTE II
USO DO CINTO DE SEGURANÇA DURANTE A GRAVIDEZ

Assoc. Nacional de Medicina do Trabalho
DIABETES MELLITUS: PREVENÇÃO CARDIOVASCULAR PRIMÁRIA

Soc. Bras. de Nefrologia
DIABETES MELLITUS: PREVENÇÃO CARDIOVASCULAR PRIMÁRIA
DIABETES MELLITUS: RECOMENDAÇÕES NUTRICIONAIS

DIABETES MELLITUS: TRATAMENTO DA HIPERTENSÃO ARTERIAL
INSUFICIÊNCIA RENAL AGUDA
HIPERTENSÃO ARTERIAL – ABORDAGEM GERAL
HIPERTENSÃO ARTERIAL – SITUAÇÕES ESPECIAIS
TRANSPLANTE RENAL: COMPLICAÇÕES CIRÚRGICAS
TRANSPLANTE RENAL: COMPLICAÇÕES NÃO CIRÚRGICAS
TRANSPLANTE RENAL: DOADOR E RECEPTOR
TRANSPLANTE RENAL: INDICAÇÕES E CONTRA INDICAÇÕES
TRANSPLANTE RENAL: MANUSEIO DO DOADOR E RECEPTOR
VÁLVULA DE URETRA POSTERIOR

Soc. Bras. de Neurocirurgia
FRATURA OSTEOPORÓTICA DA COLUNA VERTEBRAL: TRATAMENTO POR MÉTODOS DE PREENCHIMENTO ÓSSEO
HÉRNIA DE DISCO LOMBAR NO ADULTO JOVEM
LESÕES TRAUMÁTICAS DA COLUNA CERVICAL (CERVICAL ALTA – C1 E C2, E CERVICAL BAIXA – C3 A C7)
LESÕES TRAUMÁTICAS DA COLUNA TORÁCICA (T1-T9), TORACOLOMBAR (T10-L2) E LOMBAR (L3-L5)
LOMBALGIAS E LOMBOCIATALGIAS
TRAUMATISMO CRANIENCEFÁLICO GRAVE
TRAUMATISMO CRANIENCEFÁLICO GRAVE – SITUAÇÕES ESPECIAIS
TRAUMATISMO CRANIENCEFÁLICO LEVE
TRAUMATISMO CRANIENCEFÁLICO MODERADO
TRAUMATISMO CRANIENCEFÁLICO MODERADO E GRAVE POR FERIMENTO POR PROJÉTIL DE ARMA DE FOGO: DIAGNÓSTICO E CONDUTA

Soc. Bras. de Neurofisiologia clínica
ELETRONEUROMIOGRAFIA NA ABORDAGEM DIAGNÓSTICA DAS NEUROPATIAS PERIFÉRICAS
ELETRONEUROMIOGRAFIA E POTENCIAIS EVOCADOS
DEMÊNCIA – ELETROENCEFALOGRAMA ELETROENCEFALOGRAMA QUANTITATIVO

HANSENÍASE: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DA NEUROPATIA
HÉRNIA DE DISCO LOMBAR NO ADULTO JOVEM

Academia Bras. de Neurologia
ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL
ESCLEROSE MÚLTIPLA
HANSENÍASE: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DA NEUROPATIA
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Conselho Bras. de Oftalmologia
CATARATA: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
DIABETES MELLITUS: PREVENÇÃO E TRATAMENTO DA RETINOPATIA

Soc. Bras. de Ortopedia e Traumatologia
ARTROSE DO JOELHO: TRATAMENTO CIRÚRGICO

COLUNA VERTEBRAL: CIRURGIA COM FIXAÇÃO DINÂMICA POSTERIOR
ENTORSE DE TORNOZELO
EPICONDILITE LATERAL DO COTOVELO
ESCOLIOSE IDIOPÁTICA NO ADOLESCENTE: INSTRUMENTAÇÃO POSTERIOR
ESCOLIOSE IDIOPÁTICA NO ADOLESCENTE: UTILIZAÇÃO DE AUTO-ENXERTO E HOMOENXERTO NO TRATAMENTO CIRÚRGICO POSTERIOR

FRATURA DA DIÁFISE DO ÚMERO NO ADULTO
FRATURA DA PATELA
FRATURA DE RÁDIO DISTAL EM ADULTO
FRATURA DIAFISÁRIA DO TERÇO MÉDIO DA CLAVÍCULA NO ADULTO: TRATAMENTO
FRATURA DIAFISÁRIA FECHADA DE TÍBIA NO ADULTO
FRATURA DIAFISÁRIA ISOLADA DO FÊMUR NA CRIANÇA: TRATAMENTO
FRATURA DO COLO CIRÚRGICO DE ÚMERO EM ADULTOS: TRATAMENTO
FRATURA DO COLO FEMORAL NO IDOSO: OSTEOSSÍNTESE E ARTROPLASTIA
FRATURA DO PILÃO TIBIAL
FRATURA DO PLANALTO TIBIAL
FRATURA DO SACRO NO ADULTO JOVEM
FRATURA EXPOSTA DA DIÁFISE DA TÍBIA NO ADULTO
FRATURA FECHADA DA DIÁFISE DO FÊMUR NO ADULTO
FRATURA FECHADA TRAUMÁTICA SUBTROCANTERIANA DO FÊMUR NO ADULTO
FRATURA INTRA-ARTICULAR DO CALCÂNEO
FRATURA LUXAÇÃO TARSOMETATARSIANA (LISFRANC)
FRATURA OSTEOPORÓTICA DA COLUNA VERTEBRAL: TRATAMENTO POR MÉTODOS DE PREENCHIMENTO ÓSSEO
FRATURA SUPRACONDILIANA DO FÊMUR EM ADULTOS
FRATURA SUPRACONDILIANA DO ÚMERO NA CRIANÇA
FRATURA TRANSTROCANTERIANA
FRATURAS DO TERÇO DISTAL DO ANTEBRAÇO NA CRIANÇA
FRATURAS DO TORNOZELO NO ADULTO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
HÉRNIA DE DISCO LOMBAR NO ADULTO JOVEM
LESÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR: DIAGNÓSTICO
LESÃO MENISCAL
LESÕES TRAUMÁTICAS DA COLUNA CERVICAL (CERVICAL ALTA – C1 E C2, E CERVICAL BAIXA – C3 A C7)
LESÕES TRAUMÁTICAS DA COLUNA TORÁCICA (T1-T9), TORACOLOMBAR (T10-L2) E LOMBAR (L3-L5)
LOMBALGIAS E LOMBOCIATALGIAS

LUXAÇÃO RECIDIVANTE ANTERIOR TRAUMÁTICA DE OMBRO: TRATAMENTO

OSSIFICAÇÕES HETEROTÓPICAS
OSTEOMIELITE HEMATOGÊNICA AGUDA


RECONSTRUÇÃO DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR: ESCOLHA DO ENXERTO
ROTURAS COMPLETAS DO MANGUITO ROTADOR: TRATAMENTO CIRÚRGICO
TENDÃO TIBIAL POSTERIOR: INSUFICIÊNCIA
TENDÃO TIBIAL POSTERIOR: LESÃO DEGENERATIVA

Assoc. Bras. de Otorrinolaringologia e Cir. Cérvico Facial
OTITE MÉDIA AGUDA NA INFÂNCIA: DIAGNÓSTICO
OTITE MÉDIA AGUDA NA INFÂNCIA: TRATAMENTO

Soc. Bras. de Patologia
CÂNCER COLORRETAL
CÂNCER DE BEXIGA – PARTE I
CÂNCER DE BEXIGA – PARTE II
CÂNCER DE MAMA – DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
CÂNCER DE PRÓSTATA LOCALIZADO: PROGRESSÃO BIOQUÍMICA (PSA) APÓS TRATAMENTO

Soc. Bras. de Pediatria
ASMA BRÔNQUICA
BAIXA ESTATURA POR DEFICIÊNCIA DO HORMÔNIO DE CRESCIMENTO: DIAGNÓSTICO
BAIXA ESTATURA POR DEFICIÊNCIA DO HORMÔNIO DE CRESCIMENTO: TRATAMENTO
FEBRE REUMÁTICA
HERMAFRODITISMO VERDADEIRO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
OTITE MÉDIA AGUDA NA INFÂNCIA: DIAGNÓSTICO
OTITE MÉDIA AGUDA NA INFÂNCIA: TRATAMENTO
VACINA CONJUGADA CONTRA NEISSERIA MENINGITIDIS SOROGRUPO C
VACINA CONTRA CAXUMBA

VACINA CONTRA FEBRE AMARELA

VACINA CONTRA HAEMOPHILUS INFLUENZAE DO TIPO B (HIB)
VACINA CONTRA HEPATITE A
VACINA CONTRA HEPATITE B
VACINA CONTRA INFLUENZA
VACINA CONTRA O PNEUMOCOCO
VACINA CONTRA O SARAMPO

VACINA CONTRA POLIOMIELITE
VACINA CONTRA RAIVA HUMANA

VACINA CONTRA RUBÉOLA

VACINA CONTRA TUBERCULOSE
VACINA CONTRA VARICELA-ZOSTER
VACINA DUPLA (DT ou dT) CONTRA – DIFTERIA E TÉTANO

Soc. Bras. de Pneumologia e Tisiologia
ASMA BRÔNQUICA
DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÔNICA
PNEUMONIAS ADQUIRIDAS NA COMUNIDADE
TESTES DE FUNÇÃO PULMONAR

TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Colégio Brasileiro de Radiologia
AFECÇÕES TESTICULARES: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
ARTROSE DO JOELHO: TRATAMENTO CIRÚRGICO
CÂNCER DIFERENCIADO DA TIREÓIDE: FATORES DE RISCO E DIAGNÓSTICO
DOENÇA DE PAGET

ESCROTO AGUDO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO

ESTENOSE DA JUNÇÃO PIELOURETETAL
FRATURA DA DIÁFISE DO ÚMERO NO ADULTO

FRATURA DA PATELA
FRATURA DE RÁDIO DISTAL EM ADULTO
FRATURA DIAFISÁRIA FECHADA DE TÍBIA NO ADULTO
FRATURA DIAFISÁRIA ISOLADA DO FÊMUR NA CRIANÇA: TRATAMENTO

FRATURA DO COLO CIRÚRGICO DE ÚMERO EM ADULTOS: TRATAMENTO
FRATURA DO COLO FEMORAL NO IDOSO: OSTEOSSÍNTESE E ARTROPLASTIA
FRATURA DO PLANALTO TIBIAL
FRATURA DO SACRO NO ADULTO JOVEM
FRATURA EXPOSTA DA DIÁFISE DA TÍBIA NO ADULTO
FRATURA INTRA-ARTICULAR DO CALCÂNEO
FRATURA SUPRACONDILIANA DO FÊMUR EM ADULTOS
FRATURA TRANSTROCANTERIANA
FRATURAS DO TERÇO DISTAL DO ANTEBRAÇO NA CRIANÇA
FRATURAS DO TORNOZELO NO ADULTO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
HÉRNIA DE DISCO LOMBAR NO ADULTO JOVEM
HIDRONEFROSE ANTENATAL: AVALIAÇÃO PÓS-NATAL
INFECÇÃO DO TRATO URINÁRIO COMPLICADA
LESÕES TRAUMÁTICAS DA COLUNA CERVICAL (CERVICAL ALTA – C1 E C2, E CERVICAL BAIXA – C3 A C7)
LESÕES TRAUMÁTICAS DA COLUNA TORÁCICA (T1-T9), TORACOLOMBAR (T10-L2) E LOMBAR (L3-L5)
LOMBALGIAS E LOMBOCIALTALGIAS
LUXAÇÃO RECIDIVANTE ANTERIOR TRAUMÁTICA DE OMBRO: TRATAMENTO
OBSTRUÇÃO INTESTINAL NEONATAL: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
OBSTRUÇÃO INTESTINAL NO LACTENTE E NA CRIANÇA MAIOR: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
OSTEOMIELITE HEMATOGÊNICA AGUDA
ROTURAS COMPLETAS DO MANGUITO ROTADOR: TRATAMENTO CIRÚRGICO
TUMORES ADRONOCORTICAIS
TUMORES CONGÊNITOS DO PESCOÇO

Soc. Bras. de Reumatologia
ARTRITE REUMATÓIDE – DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
DIABETES MELLITUS: NEUROPATIA
COLUNA VERTEBRAL: CIRURGIA COM FIXAÇÃO DINÂMICA POSTERIOR

DOENÇA DE PAGET
ESCOLIOSE IDIOPÁTICA NO ADOLESCENTE: INSTRUMENTAÇÃO POSTERIOR
ESCOLIOSE IDIOPÁTICA NO ADOLESCENTE: UTILIZAÇÃO DE AUTO-ENXERTO E HOMOENXERTO NO TRATAMENTO CIRÚRGICO POSTERIOR
ESPONDILOARTROPATIAS: ESPONDILITE ANQUILOSANTE E ARTRITE PSORIÁSICA

ESPONDILOARTROPATIAS: OUTRAS ARTROPATIAS

FIBROMIALGIA
LOMBALGIAS E LOMBOCIALTALGIAS
LÚPUS ERITEMATOSO SISTÊMICO – TRATAMENTO DO ACOMETIMENTO CUTÂNEO/ARTICULAR
LÚPUS ERITEMATOSO SISTÊMICO – TRATAMENTO DO ACOMETIMENTO SISTÊMICO

OSTEOARTRITE (ARTROSE) – TRATAMENTO
OSTEOPOROSE EM MULHERES PÓS-MENOPAUSA
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE I
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE II
TROMBOEMBOLISMO VENOSO: PROFILAXIA EM PACIENTES CLÍNICOS – PARTE III

Soc. Bras. de Urologia
AFECÇÕES TESTICULARES: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
BEXIGA HIPERATIVA : TERAPIA COMPORTAMENTAL E REABILITAÇÃO DO ASSOALHO PÉLVICO
BEXIGA HIPERATIVA: TRATAMENTO FARMACOLÓGICO

BEXIGA HIPERATIVA: TRATAMENTO LOCO-REGIONAL

BEXIGA NEUROGÊNICA NA INFÂNCIA

BIÓPSIA DE PRÓSTATA
CÂNCER DE BEXIGA – PARTE I
CÂNCER DE BEXIGA – PARTE II
CÂNCER DE PRÓSTATA LOCALIZADO: TRATAMENTO
CÂNCER DE PRÓSTATA LOCALIZADO: PROGRESSÃO BIOQUÍMICA (PSA) APÓS TRATAMENTO
CÂNCER DE PRÓSTATA LOCALMENTE AVANÇADO: HORMÔNIO E RADIOTERAPIA
CÂNCER DE PRÓSTATA METASTÁTICO: TRATAMENTO E COMPLICAÇÕES
CÂNCER DE PRÓSTATA: DOENÇA HORMÔNIO-INDEPENDENTE
CÂNCER DE PRÓSTATA: FATORES PROGNÓSTICOS
CÂNCER DE PRÓSTATA: MARCADORES TUMORAIS
CÂNCER DE PRÓSTATA: PREVENÇÃO E RASTREAMENTO
CÂNCER RENAL: DIAGNÓSTICO E ESTADIAMENTO
CÂNCER RENAL: PROGNÓSTICO
CÂNCER RENAL: TRATAMENTO
CARCINOMA DO PÊNIS – PARTE I
CARCINOMA DO PÊNIS – PARTE II
CIRURGIA PENIANA: FIMOSE E HIPOSPÁDIA
CISTITES EM SITUAÇÕES ESPECIAIS: TRATAMENTO
DISFUNÇÃO DO TRATO URINÁRIO INFERIOR
DISFUNÇÃO ERÉTIL: TRATAMENTO COM DROGAS INIBIDORAS DA FOSFODIESTERASE TIPO 5
DISFUNÇÕES MICCIONAIS EM DOENÇAS NEUROLÓGICAS: INFECCIOSAS-INFLAMATÓRIAS-
DEGENERATIVAS

DOENÇA DE PEYRONIE: TRATAMENTO CLÍNICO
ENURESE: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
ESCROTO AGUDO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO

ESTENOSE DA JUNÇÃO PIELOURETETAL
HIDRONEFROSE ANTENATAL: AVALIAÇÃO PÓS-NATAL
HIDRONEFROSE ANTENATAL: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO
HIPERPLASIA PROSTÁTICA BENIGNA
INCONTINÊNCIA URINÁRIA DE ESFORÇO: TRATAMENTO FARMACOLÓGICO DA INSUFICIÊNCIA
ESFINCTERIANA

INCONTINÊNCIA URINÁRIA DE ESFORÇO: TRATAMENTO NÃO CIRÚRGICO E NÃO FARMACOLÓGICO
INCONTINÊNCIA URINÁRIA PÓS-PROSTATECTOMIA: TRATAMENTO
INCONTINÊNCIA URINÁRIA: PROPEDÊUTICA
INFECÇÃO DO TRATO URINÁRIO ALTO DE ORIGEM COMUNITÁRIA E HOSPITALAR: TRATAMENTO

INFECÇÃO DO TRATO URINÁRIO COMPLICADA
INFECÇÃO DO TRATO URINÁRIO NO IDOSO
INFECÇÕES DO TRATO URINÁRIO NÃO COMPLICADAS: TRATAMENTO
INFECÇÕES DO TRATO URINÁRIO: DIAGNÓSTICO

LAPAROSCOPIA E LITÍASE URINÁRIA
LITÍASE URINÁRIA EM CRIANÇA
LITÍASE URINÁRIA EM CRIANÇA: RECOMENDAÇÕES DE TRATAMENTO INTERVENCIONISTA
LITÍASE URINÁRIA EM CRIANÇAS: TRATAMENTO INTERVENCIONISTA
LITÍASE URINÁRIA: ASPECTOS METABOLÓGICOS EM ADULTOS E CRIANÇAS
LITÍASE URINÁRIA: CIRURGIA CONVENCIONAL (ABERTA)
LITÍASE URINÁRIA: INVESTIGAÇÃO DIAGNÓSTICA
LITOTRIPSIA EXTRACORPÓREA
MEGAURETER: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO

MIELOMENINGOCELES: TRATAMENTO UROLÓGICO
NEFROLITOTRIPSIA PERCUTÂNEA
PRIAPISMO

REFLUXO VÉSICO-URETERAL

TRANSPLANTE RENAL: COMPLICAÇÕES CIRÚRGICAS
TRANSPLANTE RENAL: COMPLICAÇÕES NÃO CIRÚRGICAS
TRANSPLANTE RENAL: DOADOR E RECEPTOR
TRANSPLANTE RENAL: INDICAÇÕES E CONTRA INDICAÇÕES
TRANSPLANTE RENAL: MANUSEIO DO DOADOR E RECEPTOR
TRAUMA RAQUIMEDULAR: CONDUTA UROLÓGICA CLÍNICA E FARMACOLÓGICA
TRAUMA RAQUIMEDULAR: CONDUTA UROLÓGICA CIRÚRGICA
URETEROCELE

URETEROSCOPIA
VÁLVULA DE URETRA POSTERIOR

2010 / 2016 - Laboratório central | Todos os direitos reservados - SAC 37 3222-7700